Setor de serviços da China acelera mais em outubro

segunda-feira, 4 de novembro de 2013 07:46 BRST
 

PEQUIM, 4 Nov (Reuters) - A atividade do setor de serviços da China cresceu no ritmo mais rápido em 13 meses em outubro, oferecendo mais indicações de que a economia se estabilizou, embora algumas áreas importantes tenham mostrado desaceleração.

O Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) oficial para o setor de serviços avançou para 56,3 em outubro ante 55,4 em setembro, informou a Agência Nacional de Estatísticas no domingo.

"O setor não-industrial deve continuar a se desenvolver a uma taxa estável nos próximos meses, embora ainda seja necessário mais treinamento e promoção de mercado para liberar o potencial do setor de serviços", disse Cai Jin, vice-presidente Da Federação de Logísticas e Compras da China, que ajuda a compilar o dado.

O setor de serviços contribuiu para 45 por cento da produção chinesa em 2012, e superou a indústria como o maior empregador em 2011.

Entretanto, o PMI mostrou que algumas áreas tiveram desaceleração da atividade, indicando irregularidade

O subíndice que mede as novas encomendas caiu para 51,6 ante 53,4 no mês anterior, enquanto os subíndices de serviços comerciais, indústria de alimentos e bebidas e do setor imobiliário ficaram abaixo da marca de 50 que separa expansão de contração.