Conselho da Petrobras se reúne dia 8; não discutirá reajuste--CEO

terça-feira, 5 de novembro de 2013 12:42 BRST
 

RIO DE JANEIRO, 5 Nov (Reuters) - O Conselho de Administração da Petrobras terá uma reunião extraordinária na próxima sexta-feira, disse nesta terça-feira a presidente-executiva da estatal, Maria das Graças Foster, em entrevista a jornalistas.

Ao ser questionada após evento no Rio de Janeiro se uma nova metodologia de reajuste de combustíveis poderia ser discutida na reunião do dia 8, ela disse que "não".

"É uma reunião extraordinária, mas não tem nada a ver com reajuste, será uma pauta cheia", comentou.

A reunião extraordinária ocorrerá duas semanas antes da reunião ordinária do Conselho, em 22 de novembro, quando uma nova fórmula para reajustes poderá ser aprovada ou rejeitada pelos conselheiros.

No final de outubro, a diretoria da Petrobras aprovou e submeteu ao Conselho da companhia uma nova política de preços que prevê reajustes automáticos e periódicos de combustíveis.

A Petrobras anunciou parâmetros da metodologia, como câmbio e preços internacionais do petróleo, mas não detalhou como ela vai funcionar.

A metodologia deve ainda impedir o repasse da volatilidade dos preços internacionais ao consumidor doméstico, disse a companhia na semana passada, dias depois de anunciar estudos para a aplicação da fórmula.

A introdução de uma nova fórmula de precificação do diesel e da gasolina busca dar maior previsibilidade à geração de caixa e também reduzir dos índices de alavancagem da Petrobras, que atingiu níveis acima dos desejáveis no terceiro trimestre.

A Petrobras informou que a relação dívida/patrimônio líquido (alavancagem) subiu de 31 por cento, em 31 de dezembro de 2012, para 36 por cento em 30 de setembro, contra um "teto desejável" de 35 por cento.

Questionada se a reunião do dia 8 será para discutir um novo plano de negócios plurianual, a presidente também disse que "não".

(Por Rodrigo Viga Gaier)

 
A presidente-executiva da Petrobras, Maria das Graças Silva Foster, fala durante audiência pública de CPI sobre investigação de alegações de espionagem contra o governo norte-americano, em Brasília. O Conselho de Administração da Petrobras terá uma reunião extraordinária na próxima sexta-feira, disse, nesta terça-feira, Graças Foster, em entrevista a jornalistas. 18/09/2013. REUTERS/Ueslei Marcelino