Volume financeiro na Bovespa fica quase estável em outubro

terça-feira, 5 de novembro de 2013 18:30 BRST
 

SÃO PAULO, 5 Nov (Reuters) - Após forte recuo em setembro, o volume financeiro de negócios no segmento ações da BM&FBovespa ficou praticamente estável em outubro, mas o volume médio diário recuou, informou a companhia nesta terça-feira em seu balanço de operações.

Segundo o operador da bolsa, o giro financeiro total no segmento ficou em 152,59 bilhões de reais em outubro, contra 150,34 bilhões em setembro. O volume médio diário caiu para 6,63 bilhões de reais, ante 7,15 bilhões no mês anterior.

Por sua vez, o número total de negócios cresceu para 18,85 milhões em outubro, contra 18,41 milhões em setembro.

Os investidores estrangeiros continuaram liderando a movimentação financeira do segmento, mas com 44,45 por cento de participação, ante 46,13 por cento de setembro. A fatia dos institucionais, por sua vez, aumentou para 33,26 por cento, ante 32,01 por cento.

Enquanto o Ibovespa teve alta de 3,66 por cento em outubro, as ações que mais avançaram foram CSN, com alta de 28,86 por cento, e B2W, com valorização de 18,21 por cento.

As maiores baixas ficaram por conta da MMX, com queda de 45,16 por cento, e OGX, que deixou o índice no fim do mês após pedir recuperação judicial e caiu 38,10 por cento.

O valor de mercado das 366 companhias com ações negociadas na bolsa avançou a 2,5 trilhões de reais, contra 2,4 trilhões de reais em setembro, quando havia 364 empresas listadas.

(Por Priscila Jordão)