Lucro da Comgás sobe 21,7% no 3o tri, a R$155,9 mi

terça-feira, 5 de novembro de 2013 20:32 BRST
 

RIO DE JANEIRO, 5 Nov (Reuters) - A companhia de gás canalizado de São Paulo Comgás registrou nesta terça-feira alta de 21,7 por cento do lucro líquido no terceiro trimestre, impulsionada pelo crescimento do consumo no segmento residencial e aumento de tarifas.

A empresa teve lucro líquido de 155,9 milhões de reais no período. As receitas líquidas atingiram 1,68 bilhão de reais, crescimento anual de 19 por cento.

Em seu relatório, a empresa destacou o avanço de 15,1 por cento no volume consumido pelo segmento residencial, a 65,4 milhões de metros cúbicos no período. O segmento comercial subiu 7,5 por cento, enquanto o industrial teve alta de apenas 1,4 por cento, refletindo desempenhos setorais mistos, com forte demanda das montadoras de veículos e maior fraqueza na cadeia da construção civil.

Segundo a Comgás, a alta no segmento residencial refletiu a adição de clientes, principalmente nos municípios de Americana, Guarulhos, Mogi das Cruzes, Piracicaba, Santo André, São José dos Campos, Taubaté, e outras regiões e distritos da Região Metropolitana de São Paulo.

A Comgás encerrou setembro com 936.034 medidores conectados no segmento residencial, alta de 7,4 por cento em 12 meses.

A receita bruta da empresa atingiu 2,06 bilhões de reais no período, avanço anual de 17,7 por cento, impactada pelo aumento de tarifas em São Paulo.

Paralelamente, a empresa teve acréscimo de 21,1 por cento no custo total de bens e serviços vendidos, segundo a empresa, devido ao avanço do custo do gás decorrente dos contratos de fornecimento precificados em dólar.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 369 milhões de reais, crescimento anual de 15,9 por cento.

(Por Luciana Bruno)