AES Tietê lucra R$224,7 mi no 3º tri; aprova R$242,4 mi em dividendo

quarta-feira, 6 de novembro de 2013 19:41 BRST
 

SÃO PAULO, 6 Nov (Reuters) - A AES Tietê, geradora de energia do grupo AES Brasil, teve uma redução de 7,9 por cento no lucro líquido do terceiro trimestre, na comparação anual, a 224,7 milhões de reais, afetado por menor alocação de energia no período e queda no resultado financeiro.

O desempenho operacional medido pelo Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, amortizações e depreciações) foi de 393,2 milhões de reais, queda anual de 7,1 por cento. O resultado também foi afetado pela sazonalização de energia menor e por efeito positivo não recorrente de 10 milhões de reais, da venda da PCH Minas, em agosto de 2012.

Já a receita líquida da empresa subiu 6,8 por cento para 580 milhões de reais, com o aumento da energia faturada por meio de outros contratos bilaterais, maior volume e preço da energia vendida no mercado de curto prazo.

Os custos e despesas operacionais da geradora subiram 55,5 por cento, para 187 milhões de reais, em função do maior volume de energia comprada para suprir o aumento do portfólio de contratos bilaterais no mercado livre além da compra de energia no mercado de curto prazo.

A energia gerada pela AES Tietê está comprometida em contrato com a distribuidora Eletropaulo até 2015 e o volume de energia entregue à concessionária varia ao longo do ano, de acordo com a demanda do mercado por ela atendido e com a alocação de energia dos demais contratos.

A AES Tietê busca desenvolver uma base de clientes no mercado livre e margens na comercialização para que o contrato com a AES Eletropaulo seja totalmente substituído por uma diversificada carteira de clientes após 2015.

"Como resultado dessa estratégia, o portfólio de contratos bilaterais no mercado livre apresentou crescimento de 153 por cento no terceiro trimestre em relação ao mesmo período do ano anterior. O portfólio atual da Companhia totaliza 413 megawatts (MW) médios de energia própria vendida para o período pós 2015.

A AES Tietê informou que vai pagar 242,4 milhões de reais em dividendos intermediários, valor que corresponde a 100 por cento do lucro do trimestre mais 17,7 milhões de ajuste de avaliação patrimonial. Os proventos serão pagos no dia 25 para acionistas com base na companhia nesta quarta-feira.

INVESTIMENTOS   Continuação...