Presidente de P&D da Hyundai renuncia por problemas de qualidade

segunda-feira, 11 de novembro de 2013 12:15 BRST
 

SEUL, 11 Nov (Reuters) - A Hyundai disse nesta segunda-feira que seu presidente de pesquisa e desenvolvimento, Kwon Moon-sik, além de dois outros executivos, renunciaram por causa de uma série de problemas de qualidade, em um momento em que a montadora tenta fortalecer sua reputação antes dos lançamentos de modelos importantes.

As renúncias abruptas ocorreram depois da Hyundai ter feito uma série de recalls na Coreia do Sul, nos Estados Unidos e em outros países, além de ter recebido reclamações de consumidores sobre problemas de qualidade em seu mercado doméstico, abalando a reputação da empresa.

O presidente do conselho do grupo, Chung Mong-koo, a quem é atribuída a responsabilidade pela reformulação dos carros da montadora, ainda martela sobre a questão da qualidade aos executivos da empresa. Filho do fundador da Hyundai, Chung é conhecido por demitir executivos abruptamente, com alguns deles sendo recontratados depois.

Kwon ocupou o cargo de presidente de P&D por pouco mais de um ano e ingressou na companhia logo após a Hyundai e sua afiliada Kia Motors admitirem terem superestimado a economia de combustível de mais de 1 milhão de veículos na América do Norte.

A Hyundai não disse quem substituirá Kwon.

(Por Hyunjoo Jin)

 
Logo da Hyundai é visto em uma roda de carro em uma concessionária da Hyundai, em Seoul, Coréia do Sul. A Hyundai disse nesta segunda-feira que seu presidente de pesquisa e desenvolvimento, Kwon Moon-sik, além de dois outros executivos, renunciaram por causa de uma série de problemas de qualidade, em um momento em que a montadora tenta fortalecer sua reputação antes dos lançamentos de modelos importantes. 21/10/2013. REUTERS/Kim Hong-Ji