Bancos podem banir salas de bate-papo online após investigações da Libor

segunda-feira, 11 de novembro de 2013 17:16 BRST
 

Por Jamie McGeever

LONDRES, 11 Nov (Reuters) - Grandes bancos estão considerando proibir operadores de participar de algumas salas de bate-papo online, em resposta a investigações de conluio sobre taxas de referência do mercado financeiro, disseram fontes familiarizadas com o assunto nesta segunda-feira.

JPMorgan, Credit Suisse e Citigroup, entre outros, estão revisando o uso das salas de bate-papo por preocupações de que alguns dos fóruns estão sendo vistos por reguladores como espaços em potencial para conluio e manipulações do mercado.

Os bancos estão mirando as chamadas salas de bate-papo multilaterais, em que muitos operadores participam ao mesmo tempo. Comunicações bilaterais entre operadores e suas respectivas partes em outros bancos, e entre operadores e seus clientes, não estão em revisão, disseram as fontes.

Órgãos reguladores e investidores estão preocupados com a integridade das taxas de referências do mercado após investigações no aparelhamento de uma taxa de juro conhecida como taxa interbancária de Londres, ou Libor, que já custou bilhões de dólares em acordos aos bancos.

(Reportagem de Jamie McGeever)