Crescimento russo é estimado em 1,5% a 1,6% neste ano--ministro

quarta-feira, 13 de novembro de 2013 07:37 BRST
 

SEUL, 13 Nov (Reuters) - A economia da Rússia deve crescer 1,5 a 1,6 por cento neste ano, afirmou nesta quarta-feira o ministro da Economia, Alexei Ulyukayev, abaixo da estimativa do governo de 1,8 por cento que já havia sido revisada para baixo.

"É altamente provável que o resultado anual seja menor do que nossa atual estimativa de 1,8 por cento", disse Ulyukayev a repórteres em Seul, na Coreia do Sul. Ele afirmou que a diferença ficaria entre 0,2 e 0,3 ponto percentual.

Na semana passada o governo russo estimou que o crescimento anual ficará em média em 2,5 por cento até 2030, ante 4 por cento anteriormente.

Apesar da perda de força, a inflação permanece acima da meta do banco central de 5 a 6 por cento. Ulyukayev Afirmou esperar que a inflação encerre o ano entre 6 e 6,1 por cento, ante leitura em outubro de 6,3 por cento.

(Reportagem de Alexei Anishchuk)