Minério de ferro e preços maiores devem impulsionar CSN no 4o tri

quinta-feira, 14 de novembro de 2013 17:37 BRST
 

Por Guillermo Parra-Bernal e Alberto Alerigi Jr.

SÃO PAULO, 14 Nov (Reuters) - Aumentos de preços de aço e de produção de minério de ferro devem alavancar os resultados da Companhia Siderúrgica Nacional nos próximos meses, após lucro acima do esperado no terceiro trimestre, disseram executivos da CSN e analistas nesta quinta-feira.

A empresa deve concluir até o final do mês negociações para aumento nos preços de aço vendido a montadoras de veículos a partir de 2014, disse o diretor comercial da área, Luis Fernando Martinez em teleconferência, sem comentar sobre eventual alta de 5 a 10 por cento, citada por analista.

Já o volume de vendas das operações siderúrgicas da companhia podem melhorar marginalmente, enquanto os preços no mercado doméstico seguirão em situação favorável nos próximos meses, disse Martinez, adicionando que prêmio sobre aço - diferença entre o valor cobrado no Brasil e no exterior- é sustentável.

"Acredito que o patamar de 7 a 12 por cento é sustentável levando em consideração a oferta e demanda, competitividade dos setores e o nível de importação", disse o executivo. "Com o câmbio como está, fica mais ainda", acrescentou.

As ações da CSN registraram nesta quinta-feira a maior alta intradiária em duas semanas, com otimismo do mercado de que o forte desempenho operacional continuará no quarto trimestre. Os papéis chegaram a subir 6,7 por cento. No fim, reduziram a alta para 3,7 por cento, a 12,62 reais.

"Acreditamos que os fortes preços de aço possam repercutir no quarto trimestre, aliados a preços elevados de minério de ferro, criando um risco de valorização em relação às nossas estimativas de curto prazo", disse Andreas Bokkenheuser, analista do UBS em Nova York.

A CSN teve lucro líquido de 502,88 milhões de reais no trimestre, acima da expectativa média de 433 milhões de reais apurada pela Reuters com analistas do setor. Na comparação com o segundo trimestre, o resultado ficou praticamente estável, com oscilação positiva de 0,2 por cento.

Executivos da CSN evitaram fazer projeções para 2014, dizendo que a empresa ainda trabalha no orçamento.   Continuação...