Em sinal de fraqueza global, preços de exportações dos EUA recuam em outubro

sexta-feira, 15 de novembro de 2013 12:26 BRST
 

WASHINGTON, 15 Nov (Reuters) - Os preços das exportações dos Estados Unidos recuaram inesperadamente em outubro, em um sinal preocupante de fraqueza econômica global, enquanto o custo das importações para o país caiu devido a uma baixa expressiva no preço do petróleo.

Os preços de exportações caíram 0,5 por cento no mês passado, sétimo recuo em oito meses, afirmou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira. Analistas consultados pela Reuters esperavam um leve aumento.

O recuo sugere que consumidores da Europa, atingida pela crise, e outros grandes parceiros comerciais estão passando por tantas dificuldades que produtores norte-americanos tiveram pouco espaço para elevar preços.

O Banco Central Europeu (BCE), que está se esforçando para apoiar uma recuperação, cortou as taxas de juros mais cedo neste mês, em parte devido a temores de que a economia da região esteja se ressentindo muito do patamar atual dos preços.

O relatório do Departamento do Trabalho também mostrou que os preços das importações recuaram 0,7 por cento em outubro, mais que o esperado.

Uma queda de 3,6 por cento nas importações de petróleo, a maior em mais de um ano, guiou o recuo nos preços em geral. No entanto, há sinais de que a fraqueza no exterior também motivou tal movimento.

Os preços de importações do Japão caíram 0,2 por cento no mês passado, possível sinal de que a política monetária extremamente acomodatícia do país asiático exerceu uma pressão de queda na taxa de câmbio e tornou suas exportações mais competitivas.

(Reportagem de Jason Lange)