Reunião do Conselho da Petrobras que discutirá reajuste é adiada para dia 28

quarta-feira, 20 de novembro de 2013 18:51 BRST
 

BRASÍLIA, 20 Nov (Reuters) - A reunião do Conselho de Administração da Petrobras, que irá analisar uma nova metodologia de reajuste automático dos preços dos combustíveis, entre outros temas, e que estava prevista para sexta-feira, foi adiada para o dia 28 ou 29 de novembro, disse o ministro da Fazenda, Guido Mantega, nesta quarta-feira.

A mudança de data ocorre em meio a expectativas de que o governo possa anunciar reajuste dos combustíveis até o fim desta semana e que o Conselho irá adotar o novo sistema de reajuste automático dos combustíveis.

"(O adiamento é) para aperfeiçoar as matérias que estão na pauta", disse o ministro, que é presidente do Conselho de Administração da estatal.

A nova metodologia de reajuste foi proposta pela Petrobras na reunião de outubro do Conselho. Desde então, o ministro vem dizendo que é necessário uma análise mais profunda sobre essa fórmula e que uma decisão sobre o tema não pode ser tomada de forma rápida.

Mantega também vem dizendo que não há data para o reajuste dos combustíveis, embora a pressão para o aumento se mantenha presente.

Membros do governo temem que uma regra fixa de reajuste automático dos preços dos combustíveis possa gerar maior inflação e contribuir para o aumento do nível de indexação na economia brasileira.

(Por Luciana Otoni e Nestor Rabello)