Ações asiáticas têm mínima de 1 semana com preocupação sobre China e Fed

quinta-feira, 21 de novembro de 2013 07:46 BRST
 

Por Lisa Twaronite

TÓQUIO, 21 Nov (Reuters) - A atividade industrial fraca da China elevou o pessimismo em grande parte dos mercados acionários asiáticos nesta quinta-feira, com a divulgação da ata mais recente do Federal Reserve sugerindo uma redução do estímulo do banco central dos Estados Unidos.

Às 7h40 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 1,32 por cento, tocando durante o pregão seu nível mais baixo desde o fim da semana passada.

Mas o índice japonês Nikkei foi na contramão da região, subindo 1,92 por cento, visto que o iene se enfraqueceu para mínima em quatro meses frente ao dólar, e por causa de planos de importante fundo governamental de investir mais de seus fundos de 2 trilhões de dólares em ativos de maior risco.

A atividade no vasto setor industrial da China cresceu em ritmo mais moderado em novembro por causa da contração das novas encomendas para exportação, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI) preliminar do instituto Markit em conjunto com o HSBC, levantando preocupações de que a economia da China pode perder vigor no quarto trimestre.

Na ata da reunião de política do Fed de 29 e 30 de outubro divulgada na quarta-feira, autoridades indicaram que podem decidir começar a reduzir as compras de ativos em uma de suas próximas reunião, desde que isso seja justificado pelo crescimento econômico.