Diretor-geral da OMC diz que negociações comerciais chegaram a impasse

terça-feira, 26 de novembro de 2013 11:36 BRST
 

GENEBRA, 26 Nov (Reuters) - O diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), Roberto Azevêdo, afirmou nesta terça-feira que as negociações da OMC em Genebra chegaram a um impasse e que caberá aos ministros do comércio resolverem as diferenças na reunião em Bali no próximo mês.

Azevêdo, falando em coletiva de imprensa, disse que retrocessos de última hora e dificuldades locais específicas são os culpados pelo fracasso das negociações em Genebra.

"O processo em Genebra acabou", disse ele. "Se tivéssemos mais duas semanas aqui em Genebra não faríamos isso. No nível da diplomacia, no nível técnico, isso é o mais perto se que pode chegar. Isso requer apelos políticos", acrescentou.

(Reportagem de Tom Miles)

 
Diretor da Organização Mundial do Comércio (OMC), Roberto Azevêdo, durante reunião plenária do Conselho de Desenvolvimeno Econômico e Social, no Palácio do Itamraty, em Brasília. Azevêdo, afirmou nesta terça-feira que as negociações da OMC em Genebra chegaram a um impasse e que caberá aos ministros do comércio resolverem as diferenças na reunião em Bali no próximo mês. 17/07/2013. REUTERS/Ueslei Marcelino