Varejo brasileiro reforça aposta na Black Friday de olho no Natal

quinta-feira, 28 de novembro de 2013 16:18 BRST
 

SÃO PAULO, 28 Nov (Reuters) - Na véspera da quarta edição doméstica da Black Friday, que surgiu no Brasil nas vendas apenas pela Internet, varejistas se aproveitam da data para aumentar prazos das ofertas e estendê-las às lojas físicas, num esforço para antecipar parte das vendas de Natal.

A rede de móveis e eletrodomésticos Magazine Luiza vai oferecer descontos de até 70 por cento para mais de três mil produtos no site, buscando repetir a performance do ano anterior, quando o dia representou sozinho cerca de 20 por cento de suas vendas de novembro.

Além disso, as 740 filias das companhia participarão de um Bota Fora "edição Black Friday" até sábado, com descontos menores, de até 50 por cento, mas com condições de pagamento facilitadas para clientes com cartão da loja.

"Esta é uma ação muito especial porque já aquece os pontos de venda para o Natal", afirmou Douglas Matricardi, diretor de Operações do Magazine Luiza.

Outras grandes do setor adotaram iniciativas semelhantes: o Walmart fará promoções nas lojas físicas na quinta-feira, reservando as promoções online para a Black Friday, quando estima vendas até 10 vezes superiores às de um dia normal.

A Nova Pontocom, divisão de comércio eletrônico do Grupo Pão de Açúcar, mobilizará seus três sites no evento -- CasasBahia.com.br, Extra.com.br e Pontofrio.com. Ao mesmo tempo, os supermercados do Pão de Açúcar vão baixar os preços de produtos como bebidas e chocolates na sexta-feira.

Na avaliação do idealizador da Black Friday no país, Pedro Eugenio, a tendência é que o varejo tradicional participe cada vez mais do evento, com as empresas ampliando a janela de ofertas para conseguir atender a um público maior.

Nos Estados Unidos, onde a Black Friday se consolidou como maior evento anual de descontos do comércio varejista, isso já acontece, afirmou ele, em referência ao evento da última sexta-feira de novembro, após o feriado de Ação de Graças.

Entre grandes companhias que também vão participar da Black Friday em suas lojas físicas no Brasil, estão empresas como Fnac e Centauro, de artigos esportivos.   Continuação...