CNA estima crescimento de 6,5% no PIB da agropecuária em 2013

terça-feira, 3 de dezembro de 2013 19:53 BRST
 

SÃO PAULO, 3 Dez (Reuters) - O Produto Interno Bruto (PIB) da agropecuária brasileira deverá ter um crescimento de 6,5 por cento neste ano, impulsionado pela safra de cana e uma produção recorde de grãos, estimou nesta terça-feira a Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

"Apesar do recuo de 3,5 por cento no terceiro trimestre deste ano, na comparação com o segundo trimestre, o PIB do setor agropecuário deve fechar 2013 com crescimento próximo a 6,5 por cento", disse a CNA em nota.

A economia brasileira encolheu 0,5 por cento no último trimestre, tendo o pior resultado em quatro anos.

A CNA afirma que o resultado da agropecuária entre julho e setembro foi influenciado pelo peso negativo das culturas da laranja, café e mandioca.

A safra de laranja caiu 14,2 por cento em relação ao ano passado, em razão de problemas climáticos e de redução dos investimentos no manejo das lavouras, além enfrentar um desempenho negativo nos preços da commodity.

No caso do café, a CNA lembra que o clima irregular e as altas temperaturas também afetaram a produção. As condições, somadas ao período de baixo ciclo de produção, provocaram queda de 6,9 por cento na safra 2013/2014.

Em 2013, a produção de mandioca somou 20,7 milhões de toneladas, uma queda expressiva em relação ao volume do ano anterior, quando foram colhidas 23,4 milhões de toneladas do produto. Além da redução da área plantada, foi registrada queda na produtividade nas últimas safras em função do clima, especialmente na região Nordeste, acrescentou a confederação.

ACUMULADO

A CNA avalia que o resultado negativo do terceiro trimestre não deve comprometer o desempenho do setor no fechamento de 2013.   Continuação...