Investidor da Tel. Italia é contra venda da TIM Brasil

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013 09:59 BRST
 

MILÃO, 5 Dez (Reuters) - O investidor Marco Fossati, acionista da Telecom Italia e que promove campanha para a remoção do Conselho de Administração da companhia, afirmou nesta quinta-feira que uma solução para a decisão do órgão de defesa da concorrência no Brasil "não pode e não deve ser uma venda forçada" da TIM.

Na quarta-feira, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) decidiu que a Telefónica, que controla a Telecom Italia junto com três investidores italianos, deve se desfazer de sua posição direta ou indireta na TIM ou buscar um sócio para compartilhar o controle da Vivo.

Em comunicado emitido pela holding Findim, Fossati pediu para as autoridades italianas "reconhecerem" que a Telco controla de fato a Telecom Italia.

A Telefónica e os sócios Generali, Mediobanca e Intesa Sanpaolo têm 22,4 por cento de participação na Telecom Italia por meio da holding Telco.

(Por Danilo Masoni)

 
Antenas na Telecom Itália na área nordeste de Roma. Fossati acionista da Telecom Italia e que promove campanha para a remoção do Conselho de Administração da companhia, afirmou nesta quinta-feira que uma solução para a decisão do órgão de defesa da concorrência no Brasil "não pode e não deve ser uma venda forçada" da TIM. 12/11/2012. REUTERS/Alessandro Bianchi