CEO da Novartis diz poder gastar US$4-6 bi ao ano em compras--jornal

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 08:29 BRST
 

ZURIQUE, 9 Dez (Reuters) - A fabricante suíça de medicamentos Novartis pode gastar de 4 bilhões a 6 bilhões de dólares ao ano em aquisições para fortalecer seus negócios principais de genéricos, oftalmologia e farmacêutica, ou suas três unidades menores, disse seu presidente-executivo em entrevista no domingo.

"O fluxo de caixa da Novartis é grande o bastante a cada ano para que possamos aumentar os dividendos aos acionistas e ao mesmo tempo realizar aquisições dentro do mesmo setor. Podemos gastar de 4 bilhões a 6 bilhões de dólares nestas", disse Joe Jimenez, o presidente-executivo, ao jornal suíço Schweiz am Sonntag.

Ele disse que a Novartis pode gastar de 2 bilhões a 4 bilhões em aquisição que podem fortalecer uma de suas três grandes unidades.

"Para as unidades menores, também podem haver aquisições dentro do mesmo setor, mas serão menores", disse ele.

Questionado se ele partilhava da visão do de Pierre Landolt, membro do conselho da Novartis, de que uma fusão da Novartis e da Roche faria sentido, Jimenez disse na entrevista: "Acredito que a Suíça está se beneficiando do fato de que tem duas empresas farmacêuticas muito bem-sucedidas".

Ele disse que a Roche e a Novartis têm estratégias muito diferentes, com a Roche sendo uma empresa puramente farmacêutica e a Novartis sendo muito mais diversificada.

(Por Silke Koltrowitz)