Desembolsos do BNDES sobem 10,4% em outubro, para R$15,2 bi

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 14:37 BRST
 

SÃO PAULO, 9 Dez (Reuters) - Os desembolsos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) subiram 10,4 por cento em outubro, sobre igual mês de 2012, a 15,2 bilhões de reais, informou a instituição nesta segunda-feira.

O setor de infraestrutura liderou os desembolsos no mês, com 5,3 bilhões de reais, seguido de comércio e serviços (com 4,7 bilhões de reais), indústria (3,7 bilhões de reais) e agropecuária (1,5 bilhão de reais).

Os projetos aprovados em outubro pelo BNDES recuaram 52 por cento, a 12,7 bilhões de reais, enquanto as consultas, de 49,3 bilhões de reais, caíram 51 por cento ante o mesmo mês de 2012.

O BNDES atribuiu as quedas à forte base de comparação de outubro de 2012, já que "houve forte concentração de projetos no BNDES, sobretudo com o Programa de Apoio ao Investimento dos Estados e Distrito Federal (ProInveste)" no segundo semestre do ano passado.

No acumulado do ano, os desembolsos do BNDES somam 146,8 bilhões de reais, alta de 35 por cento sobre igual período de 2012.

Todos os setores apoiados pelo Banco registraram desempenho positivo no período, com alta de 31 por cento nos desembolsos à infraestrutura, de 19 por cento para a indústria e de 52 por cento para comércio e serviços.

Agropecuária registrou o maior crescimento relativo de 73 por cento, na mesma base de comparação, explicado em parte safra recorde deste ano, que contribuiu também para incrementar os desembolsos para aquisição de caminhões para o escoamento da produção rural, com alta de 57 por cento.

(Por Roberta Vilas Boas)