Minerva prevê prejuízo em 2013 e retomada de lucro em 2014

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 17:07 BRST
 

SÃO PAULO, 9 Dez (Reuters) - A Minerva, terceira maior processadora de carne bovina do Brasil, estima que irá registrar novamente prejuízo em 2013, mas deverá fechar 2014 no positivo, disse nesta segunda-feira um executivo da empresa, citando o câmbio desfavorável, que tem elevado as despesas financeiras da companhia.

A empresa fechou 2012 com prejuízo líquido de 199 milhões de reais, após lucro em 2011, e acumula prejuízo de 211,5 milhões de reais em 12 meses até setembro.

Em boa parte do ano, a empresa atribuiu os resultados negativos à desvalorização do real frente o dólar, que elevou os custos com dívida. A expectativa é de um quadro menos pressionado em 2014.

"Mesmo que o real desvalorize, a despesa financeira será menor que em 2012 e 2013, permitindo que a gente volte a ter lucro", disse o diretor financeiro Edison Ticle, em conferência com jornalistas, em São Paulo.

Recentemente, a Minerva anunciou acordo com a BRF no qual adquiriu duas unidades de bovinos. Já a BRF levou em troca 15 por cento de participação no frigorífico.

No acumulado dos três primeiros trimestres, a Minerva acumulou prejuízo de 190 milhões de reais.

DEMANDA FORTE

De olho numa expectativa de forte demanda, a empresa prevê investir 150 milhões de reais em 2014, ante 100 milhões em 2013, disse Ticle. O montante inclui 100 milhões de reais em investimentos para manutenção das operações.

Os 50 milhões de reais restantes serão usados para a ampliação da unidade de processados, a Minerva Fine Foods (MFF), reforçando estratégia da companhia de também investir no segmento de mais valor agregado.   Continuação...