Abercrombie rejeita pedido de acionista e estende contrato de presidente

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 17:01 BRST
 

9 Dez (Reuters) - A varejista de vestuário adolescente Abercrombie & Fitch disse que vai estender o contrato de seu presidente-executivo, Mike Jeffries, em ao menos um ano a partir de fevereiro, dias após um acionista pedir a substituição do executivo.

As ações da Abercrombie, que registrou sete trimestres seguidos de queda nas vendas, caíram até 4 por cento na manhã desta segunda-feira e perderam 27 por cento do seu valor este ano até o fechamento de sexta-feira.

Mike Jeffries, presidente-executivo da empresa há 16 anos, tem sido criticado pelo péssimo desempenho da Abercrombie.

A empresa e seus concorrentes Aeropostale e American Eagle estão lutando para reconquistar o gosto dos adolescentes, que estão cada vez mais comprando roupas em redes como a Zara, que oferecem roupas da moda por um preço mais acessível.

A empresa disse nesta segunda-feira que o novo acordo com seu presidente tem uma estrutura de remuneração simplificada, ligada às metas de desempenho da empresa.

(Reportagem de Maria Ajit Thomas e Siddharth Cavale)