Embarques de carne suína do Brasil crescerão 15,7% em 2014--Abipecs

terça-feira, 10 de dezembro de 2013 13:38 BRST
 

SÃO PAULO, 10 Dez (Reuters) - As exportações de carne suína do Brasil crescerão 15,7 por cento em 2014, para 590 mil toneladas, estimou nesta terça-feira a Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs).

O crescimento deverá ocorrer após uma queda de 8 por cento nos embarques do produto do país em 2013 na comparação com o ano passado.

Em 2014, a associação avalia que a demanda externa estará mais aquecida, com maiores vendas ao Japão, perspectiva de reabertura do mercado da África do Sul, abertura da Coreia do Sul e manutenção dos grandes mercados da Rússia e Ucrânia.

Em 2013, as exportações brasileiras caíram por causa do fechamento do mercado ucraniano por três meses no primeiro semestre.

A associação ainda prevê, de acordo com nota divulgada a jornalistas, que o Brasil produzirá 3,48 milhões de toneladas de carne suína em 2014, alta de 1 por cento na comparação com 2013.

(Por Fabíola Gomes)

 
Porcos em fazendo no município de Lucas do Rio Verde, em Mato Grosso. As exportações de carne suína do Brasil crescerão 15,7 por cento em 2014, para 590 mil toneladas, estimou nesta terça-feira a Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs). 28/02/2008. REUTERS/Paulo Whitaker