Uruguai autoriza compra de banco de varejo do Citibank pelo Itaú

sábado, 14 de dezembro de 2013 14:33 BRST
 

MONTEVIDÉU, 14 Dez (Reuters) - O Governo do Uruguai autorizou a transferência de ativos de banco de varejo do Citibank local para o Itaú Unibanco, na última etapa de uma aquisição que começou em junho, segundo um documento oficial.

Uma resolução do Ministério da Economia, datada em 10 de dezembro e publicada no site da presidência do país, conclui um negócio que foi aprovado semanas atrás pelo Banco Central do Uruguai.

"Em 13 de dezembro de 2013, no final do dia, os negócios banco de varejo e cartões de crédito do Citi no Uruguai passaram para o Itaú", disseram os dois bancos em um anúncio publicado neste sábado na imprensa uruguaia.

A venda "não vai de forma alguma afetar as operações", acrescentaram.

O Itaú Unibanco, maior banco do Brasil em valor de mercado, irá absorver a unidade de negócios com consumidores do Citibank no Uruguai, com ativos brutos de mais de 60 milhões de dólares e depósitos de mais de 265 milhões.

Com a aquisição, o Itaú Unibanco reforça a sua presença no país sul-americano de 3,5 milhões de habitantes.

Após a operação, o banco brasileiro ocupa a terceira posição entre os maiores bancos do Uruguai, atrás do estatal Banco República e do espanhol Santander.

(Reportagem de Felipe Llambías)

 
Foto de arquivo de segurança dentro de uma agência do Itaú, em São Paulo. O Governo do Uruguai autorizou a transferência de ativos de banco de varejo do Citibank local para o Itaú Unibanco, na última etapa de uma aquisição que começou em junho, segundo um documento oficial. 13/10/2011 REUTERS/Nacho Doce