Fundo soberano da China conclui compra de ações bancárias

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013 11:04 BRST
 

XANGAI, 16 Dez (Reuters) - O governo da China finalizou a compra de ações dos quatro maiores bancos do país, marcando o fim da mais recente rodada de intervenções que visam dar força ao frágil mercado acionário do país.

O fundo soberano Huijin, responsável pelos investimentos do governo central em empresas financeiras estatais, concluiu a compra de ações do Banco Industrial e Comercial da China,, Banco de Construção da China, do Banco Agrícola da China e do Banco da China, informaram os quatro bancos em comunicados enviados à bolsa de valores nesta segunda-feira.

O Huijin comprou suas participações através de aquisições de ações na bolsa de Xangai, o que significa que os níveis de capital registrados dos bancos não foram afetados.

Em junho, os quatro bancos anunciaram que o Huijin planejava aumentar sua participação acionária através de compras na bolsa de valores e que as compras iriam ocorrer gradualmente durante um período não maior que seis meses. O último anúncio marca o fim das compras programadas.

(Reportagem de Gabriel Wildau)