Atividade industrial dos EUA cresce em dezembro, mas ritmo desacelera

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013 12:18 BRST
 

16 Dez (Reuters) - O setor industrial dos Estados Unidos continuou crescendo em dezembro, embora a uma taxa levemente menor que o esperado, com o nível de emprego aumentando no ritmo mais rápido em nove meses, mostrou a pesquisa Índice dos Gerentes de Compras (PMI) nesta segunda-feira.

O instituto Markit informou que seu PMI preliminar da indústria dos EUA caiu para 54,4, ante máxima em 10 de meses de 54,7 em novembro. Economistas consultados pela Reuters esperavam leitura de 55,0.

Uma leitura acima de 50 indica expansão na atividade econômica.

O subíndice de produção recuou para 57,3, ante 57,4 em novembro, quando foi registrado o resultado mais forte em 20 meses.

"Durante o quarto trimestre como um todo, a indústria desfrutou o seu melhor desempenho desde o início do ano", disse o economista-chefe do Markit, Chris Williamson.

O subíndice de emprego subiu para 53,7, ante leitura final de novembro de 52,3, "somando-se às indicações de que a força de trabalho da indústria está crescendo em um ritmo razoável novamente", acrescentou Williamson.

(Reportagem de Rodrigo Campos)