Bayer assume farmacêutica norueguesa depois de melhorar oferta

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013 07:52 BRST
 

FRANKFURT/OSLO, 19 Dez (Reuters) - A Bayer ganhou o apoio do Conselho da Algeta para assumir o controle da parceira norueguesa para um novo tratamento contra o câncer de próstata, após melhorar sua oferta pela empresa para 362 coroas norueguesas por ação, avaliando a Algeta em 2,9 bilhões de dólares.

O negócio irá impulsionar a divisão de medicamentos da Bayer, dando-lhe o controle total sobre o Xofigo, uma droga que havia sido desenvolvida em conjunto pelas empresas desde 2009, tendo sua comercialização iniciada nos Estados Unidos este ano.

No final de novembro, a Bayer fez uma oferta para pagar 336 coroas norueguesas por ação da Algeta.

O Conselho da Algeta recomendou por unanimidade que os acionistas aceitassem a oferta melhorada da Bayer, disse a Algeta em um comunicado nesta quinta-feira.

A companhia acrescentou que um fundo que é o maior acionista da empresa e gerentes sêniores da Algeta planejaram aceitar o acordo. Juntos, eles respondem por 14 por cento do capital social da companhia.

A oferta da Bayer representa um prêmio de 37 por cento sobre o preço de fechamento da Algeta em 25 de novembro, um dia antes da proposta se tornar pública, e um prêmio de 48 por cento sobre a média de três meses ponderada por volume até 25 de novembro, disse a Algeta.

(Por Jonathan Gould, Christoph Steitz e Gwladys Fou)