Confiança do consumidor recua 1,2% em dezembro--FGV

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013 08:47 BRST
 

SÃO PAULO, 20 Dez (Reuters) - O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas recuou 1,2 por cento em dezembro na comparação com novembro, informou a FGV nesta sexta-feira.

O ICC passou a 111,5 pontos, ante 112,8 pontos em novembro, quando havia avançado 1,0 por cento.

O Índice da Situação Atual (ISA) caiu 1,3 por cento ante novembro, passando para 119,2 pontos. Já o Índice de Expectativas recuou 0,4 por cento, para 108,6 pontos no período.

O nível de satisfação dos consumidores com a situação financeira da família nos últimos seis meses foi o que mais contribuiu para a piora das avaliações em dezembro

A proporção de consumidores que avaliam a situação como boa diminuiu de 23,3 por cento para 21,9 por cento, enquanto a dos que a julgam ruim subiu de 10,8 por cento para 12,9 por cento.

As avaliações e expectativas em relação ao ambiente econômico geral continuam a preocupar os consumidores, e a parcela dos que projetam melhora da situação econômica futura diminuiu de 28,4 por cento para 26,6 por cento. O grupo dos que preveem piora teve uma oscilação negativa de 19,9 por cento para 19,5 por cento.

(Por Camila Moreira)