China vai revisar tarifas impostas à carne de frango dos EUA

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013 15:40 BRST
 

O Ministério de Comércio da China disse nesta quarta-feira que vai rever sua decisão de impor tarifas antidumping sobre cortes de frango importado dos Estados Unidos após a Organização Mundial do Comércio (OMC) decidir contra Pequim, após quatro anos de disputas.

As exportações de frango dos EUA para a China caíram 90 por cento nos últimos quatro anos, custando aos norte-americanos cerca de 1 bilhão de dólares, depois que a China instituiu elevadas tarifas antidumping à carne.

Um painel da OMC decidiu a favor de uma queixa dos EUA em 02 de agosto, e a entidade adotou a decisão em 25 de setembro, sem que a China recorresse da decisão.

"O Ministério do Comércio decidiu, com efeito a partir da publicação deste aviso, realizar outra investigação neste caso, de acordo com a decisão e sugestão do relevante relatório de especialistas da OMC", disse o ministério em um comunicado em seu website (www.mofcom.gov.cn).

Os Estados Unidos e a China, as duas maiores economias do mundo, estão envolvidos em uma série de disputas comerciais, incluindo as que envolvem pneus chineses e carros feitos nos EUA.

(Reportagem de Ben Blanchard e Huang Yan)