Economistas elevam ligeiramente projeção para inflação em 2013 e 2014

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013 10:12 BRST
 

SÃO PAULO, 30 Dez (Reuters) - Economistas de instituições financeiras elevaram ligeiramente a perspectiva para a inflação neste ano e no próximo, mantendo ao mesmo tempo a projeção para a Selic em 2014 em 10,5 por cento, mostrou a pesquisa Focus do Banco Central divulgada nesta segunda-feira.

Os economistas pioraram a projeção para o IPCA neste ano e em 2014 em 0,01 ponto percentual, a 5,73 por cento e 5,98 por cento, respectivamente.

A perspectiva para a inflação nos próximos 12 meses, por sua vez, foi reduzida a 6,03 por cento, ante 6,05 por cento na pesquisa anterior.

Neste final de ano, a inflação tem surpreendido ao não mostrar sinais de arrefecimento, o que pode pressionar ainda mais a atual política monetária. Em dezembro, por exemplo, o IPCA-15, prévia da inflação oficial do país, surpreendeu ao acelerar a alta mensal a 0,75 por cento, fechando o ano em 5,85 por cento.

O Focus mostrou ainda manutenção do cenário para a taxa básica de juros. Para os economistas consultados pelo BC, a Selic ficará em 10,50 por cento no fim do ano que vem, mesma taxa há cinco semanas.

Para a reunião de janeiro do Comitê de Política Monetária (Copom), ficou inalterada a projeção de aumento de 0,25 ponto percentual na Selic, atualmente em 10 por cento.

Entretanto, no Top-5 de médio prazo, com as instituições que mais acertam as projeções nesse período, a expectativa continua sendo de maior aperto em 2014. A mediana das estimativas aponta perspectiva de que o juro básico encerrará 2014 a 11 por cento, também a mesma da pesquisa anterior.

Em relação ao crescimento da economia, não houve alterações nas projeções para desempenho do Produto Interno Bruto (PIB), com expansão projetada de 2,30 por cento em 2013 e 2 por cento em 2014.

(Por Camila Moreira)

 
Sede do Banco Central em Brasília. Economistas de instituições financeiras elevaram ligeiramente a perspectiva para a inflação neste ano e no próximo, mantendo ao mesmo tempo a projeção para a Selic em 2014 em 10,5 por cento, mostrou a pesquisa Focus do Banco Central divulgada nesta segunda-feira. 22/09/2011. REUTERS/Ueslei Marcelino