Crescimento industrial alemão é o mais veloz desde meados de 2011--PMI

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014 09:36 BRST
 

BERLIM, 2 Jan (Reuters) - O aumento da produção e o forte crescimento das novas encomendas ajudaram a indústria alemã a crescer em dezembro no ritmo mais rápido em 2 anos e meio, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI) nesta quinta-feira, indicando um início sólido em 2014 para a maior economia da Europa.

O PMI do Markit sobre o setor industrial alemão, que representa cerca de um quinto da economia, subiu para 54,3 em dezembro, ante 52,7 em novembro, o sexto mês consecutivo de crescimento.

A leitura final foi a mais alta desde junho de 2011, e ficou pouco acima do resultado preliminar de 54,2, e bem superior à marca de 50 que separa o crescimento da contração, auxiliada também por um impulso no nível de emprego do setor.

"A pesquisa sugere que o setor industrial alemão ganhou fôlego durante o inverno (no hemisfério norte)", disse o economista sênior do Markit Tim Moore.

"A melhora das condições econômicas globais ajudou a impulsionar as novas encomendas e a gerar criação de empregos renovada no setor. Fabricantes de bens de investimento foram os principais beneficiados da melhora do clima de exportação no fim de 2013".

(Reportagem de Alexandra Hudson)

 
Fábrica que pertence à Bayer, maior empresa farmacêutica da Alemanha, em Leverkusen, 15 de dezembro de 2013. O aumento da produção e o forte crescimento das novas encomendas ajudaram a indústria alemã a crescer em dezembro no ritmo mais rápido em 2 anos e meio, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI) nesta quinta-feira, indicando um início sólido em 2014 para a maior economia da Europa. 15/12/2013 REUTERS/Ina Fassbender