Não está claro como política expansionista alivia condições, diz membro do Fed

sábado, 4 de janeiro de 2014 15:52 BRST
 

FILADÉLFIA, 4 Jan (Reuters) - Pesquisas extensivas sobre programas de compras maciças de ativos ainda não esclareceram se tais políticas aliviam as condições financeiras funcionando principalmente como um sinal para os investidores ou mais diretamente através de portfólios privados, afirmou um influente membro do banco central dos Estados Unidos neste sábado.

O Federal Reserve está atualmente comprando 75 bilhões de dólares por mês em títulos do Tesouro e bônus hipotecários na sua terceira rodada de flexibilização quantitativa, destinada a aliviar os custos dos empréstimos de mais longo prazo na economia.

No entanto, "ainda não temos macromodelos bem desenvolvidos que incorporam um setor financeiro realista", afirmou William Dudley, presidente do Fed de Nova York, em uma conferência de economia.

"Nós não entendemos completamente como os programas de compra de ativos em larga escala trabalham para aliviar as condições do mercado financeiro, ainda há muita discussão", disse ele.

"É pelo efeito das compras nas carteiras de investidores privados, ou, alternativamente, é o principal canal de uma sinalização?", questionou.

(Por Jonathan Spicer e Jason Lange)

 
Presidente do Federal Reserve Bank de Nova York, William Dudley, durante discurso em um clube econômico asiático, em Nova York. Pesquisas extensivas sobre programas de compras maciças de ativos ainda não esclareceram se tais políticas aliviam as condições financeiras funcionando principalmente como um sinal para os investidores ou mais diretamente através de portfólios privados, afirmou Dudley em uma conferência de economia. 24/09/2012. REUTERS/Chip East