Mercado automotivo na China deve crescer de 8% a 10% em 2014, diz associação

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 08:03 BRST
 

PEQUIM, 9 Jan (Reuters) - O mercado de veículos da China deve expandir entre 8 e 10 por cento neste ano, num ritmo um pouco mais lento em relação aos 13,9 por cento de crescimento em 2013, enquanto esforços para controlar a poluição ameaçam afetar a demanda no maior mercado automotivo do mundo, disse uma associação da indústria nesta quinta-feira.

A previsão da Associação de Fabricantes de Automóveis da China (CAAM, na sigla em inglês) contudo aponta para um contínuo recuperação em um mercado que viu crescimento tão lento quanto 2,5 por cento em 2011.

"Mudanças geopolíticas podem resultar em preços altos de petróleo e outros materiais brutos, o que enfraqueceria a demanda por veículos", disse o secretário geral da CAMM Shi Jianhua em uma coletiva de imprensa.

A taxa de crescimento das vendas de veículos da China caiu em 2011 e 2012, a 2,5 por cento e 4,3 por cento, respectivamente, depois de uma década de crescimento rápido quando a demanda por automóveis muitas vezes subiu tanto quanto 30 a 40 por cento ao ano.

(Reportagem de Jonathan Standing e Xiaoyi Shao)