Tratamento da GSK contra melanoma ganha aprovação acelerada nos EUA

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 08:33 BRST
 

LONDRES, 9 Jan (Reuters) - Um tratamento da GlaxoSmithKline para melanoma, a forma mais letal de câncer de pele, ganhou a aprovação acelerada de reguladores dos Estados Unidos.

A luz verde para o uso combinado do Tafinlar e do Mekinist, da Food and Drug Administration (FDA) é a primeira do tipo para uma forma de doença com um perfil genético específico.

Ambos os remédios já tem aprovação para uso separado, mas a GSK acredita que eles terão um efeito maior se usados juntos. Analistas da indústria também vêem a combinação com maior potencial comercial.

O Tafinlar, que é semelhante ao Zelboraf da rival Roche, é projetado para funcionar em pacientes com uma mutação de um gene conhecido como BRAF. Os chamados inibidores BRAF têm sido notavelmente eficazes em encolher tumores de melanoma, mas a maioria dos pacientes, eventualmente, desenvolve resistência aos medicamentos.

Ao combinar o Tafinlar com o Mekinist, que trabalha de uma forma diferente, a esperança é de que o câncer ficará sob controle por mais tempo.

A aprovação do FDA, que foi anunciada na noite de quarta-feira, abrange o tratamento de melanoma que não pode ser removido por cirurgia ou que se espalhou para outros órgãos.

(Por Ben Hirschler)