Obama nomeia Fischer como vice-chair do Fed--Casa Branca

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 15:34 BRST
 

WASHINGTON, 10 Jan (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, nomeou nesta sexta-feira o ex-presidente do Banco de Israel, Stanley Fischer, e dois outros para completar o alto escalão do Federal Reserve, num momento em que o banco central norte-americano dá início à retirada de seu histórico estímulo.

Fischer, nomeada como vice-chair do Fed, sucederá Janet Yellen, que foi confirmada no Senado na segunda-feira para liderar o Fed após o fim do mandato do atual chairman, Ben Bernanke, no fim deste mês.

Obama também nomeou Lael Brainard, que recentemente atuou como principal autoridade do Departamento do Tesouro para assuntos internacionais, para o conselho do Fed. O presidente reconduziu o atual integrante do conselho Jerome Powell para mais um mandato, terminando em 2028.

Um dos economistas mais proeminentes do mundo, Fischer já deu aula para muitos dos mais renomados da profissão, incluindo Bernanke e o presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi.

"Stanley Fischer traz décadas de liderança e expertise de vários cargos, incluindo suas posições no Fundo Monetário Internacional (FMI) e no Banco de Israel", disse Obama em comunicado.

"Ele é amplamente reconhecido como uma das mentes de liderança, mais experientes do mundo e estou grato por ele aceitar assumir esse novo papel e estou confiante em que ele e Janet Yellen formarão uma grande equipe", afirmou o presidente.

Como o número dois do FMI entre 1994 e 2001, Fischer desempenhou importante papel no combate à crise financeira asiática. Antes disso, ele foi economista-chefe do Banco Mundial.

Mais recentemente, Fischer, que tem cidadanias israelense e norte-americana, foi responsabilizado por ajudar Israel a navegar seguramente a tormenta da crise financeira de 2007 a 2009. Ele renunciou ao Banco de Israel em junho, no terceiro ano de seu mandato de cinco anos.

(Reportagem de Mark Felsenthal)