Exportações brasileiras de carne suína caem 11% em 2013--Abipecs

terça-feira, 14 de janeiro de 2014 12:00 BRST
 

SÃO PAULO, 14 Jan (Reuters) - As exportações brasileiras de carne suína recuaram 11,04 por cento em 2013, atingindo 517,33 mil toneladas, informou a Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs) nesta terça-feira.

Em faturamento, as exportações tiveram uma queda de 2,94 por cento no ano passado sobre 2012, somando 1,36 bilhão de dólares.

Apesar das reduções, o presidente da Abipecs, Rui Eduardo Saldanha Vargas, classificou o ano como "positivo".

"Temos a expectativa de que em 2014 iremos conseguir números melhores e apostamos no aumento de exportações para o Japão e para a China, além de esperarmos obter acesso ao mercado da Coreia do Sul", disse Vargas, em comunicado.

Segundo a Abipecs, de janeiro a dezembro, o país registrou fortes queda nas vendas para Ucrânia e Hong Kong.

As exportações para a Ucrânia somaram 68,18 mil toneladas e 198,14 milhões de dólares, queda de 50,83 e 44,79 por cento, respectivamente. Para Hong Kong, a retração foi de 2,77 por cento em volume, para 121,25 mil toneladas, e de 5,25 por cento em receita, para 289,1 milhões de dólares.

Por outro lado, para a Rússia houve crescimento de 6,15 por cento no volume, para 134,89 mil toneladas.

No ano passado, os principais destinos das exportações de carne suína brasileira foram Rússia (26,07 por cento), Hong Kong (23,44 por cento) e Ucrânia (13,18 por cento).

(Por Laiz de Souza)

 
Porcos bebem água em uma fazenda em Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso. As exportações brasileiras de carne suína recuaram 11,04 por cento em 2013, atingindo 517,33 mil toneladas, informou a Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs) nesta terça-feira. 28/02/2008 REUTERS/Paulo Whitaker