Após Azul, Avianca adota tarifa-teto de R$999 por 6 meses

terça-feira, 14 de janeiro de 2014 13:11 BRST
 

SÃO PAULO, 14 Jan (Reuters) - A empresa aérea Avianca Brasil adotará tarifa-teto de 999 reais por trecho de fevereiro a julho, disse nesta terça-feira o presidente da empresa, José Efromovich.

O anúncio veio uma semana após a rival Azul Linhas Aéreas ter anunciado a mesma tarifa-teto, mas apenas para o período da Copa do Mundo.

"Acredito que essa promoção vai trazer mais passageiros", disse Efromovich, evitando dar estimativas de possíveis perdas no faturamento com a decisão. "Para nós, os números fecham".

Ainda assim, Efromovich prevê perda de passageiros de negócios durante a competição. "A Copa não é a maior das oportunidades de receita para as companhias aéreas".

Segundo o executivo, a Avianca pediu a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) 430 voos extras para o período do torneio.

A Avianca espera expansão de 19 por cento na sua oferta de assentos em 2014, acompanhando a evolução da demanda dos passageiros, afirmou Efromovich.

"Nossa projeção para 2014 é de oferecer 9,2 milhões de assentos, um crescimento de 19 por cento. Mas nos últimos anos esses números (de crescimento) nunca foram os mesmos", disse o executivo a jornalistas, acrescentando que o aumento na demanda pode ficar acima da oferta novamente.

(Por Roberta Vilas Boas)