Ações europeias batem máximas em 5 anos e meio por melhora na perspectiva econômica

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014 16:07 BRST
 

Por Toni Vorobyova

LONDRES, 15 Jan (Reuters) - As ações europeias fecharam nas máximas em cinco anos e meio nesta quarta-feira, impulsionadas por dados fortes e pela melhora na perspectiva econômica global, além do arrefecimento das preocupações regulatórias com bancos da zona do euro.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, avançou 1,01 por cento, para 1.339 pontos, o maior nível desde 2008.

O avanço do setor financeiro foi o que mais impulsionou o FTSEurofirst 300, após o Banco Central Europeu (BCE) anunciar que bancos não serão obrigados a ajustar portfólios de dívida soberana que detêm até o vencimento para refletir os atuais valores de mercado.

As maiores altas, como Societé Générale e B P Milano, têm ampla exposição a títulos soberanos da região.

O setor já acumula alta de 10,7 por cento neste ano e recebeu impulso nesta semana quando reguladores bancários aceitaram relaxar regulações de portfólio para tentar evitar prejudicar o financiamento da economia global.

"Bancos da zona do euro tiveram boas notícias de Basileia no início da semana e parece que reguladores estão relaxando o fardo regulatório sobre o setor bancário", afirmou o estrategista de renda variável do Shore Capital, Gerard Lane.

"Esse fardo regulatório se mostrou um fardo sobre a recuperação econômica... e pode haver um círculo vicioso. Contanto que haja recuperação, os bancos serão capazes de consertar a si mesmos", emendou.

Os mercados também foram animados pelos sinais dados pelo Banco Mundial, que vê crescimento econômico global maior neste ano.   Continuação...