Bancos na Itália não correm risco se aporte do Monte Paschi fracassar--executivo

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014 11:25 BRST
 

MILÃO, 16 Jan (Reuters) - O sistema bancário da Itália não corre risco caso o planejado aumento de capital na terceira maior instituição financeira do país, o Banca Monte dei Paschi di Siena, não dê certo, disse o presidente do Conselho de Supervisão do Intesa Sanpaolo nesta quinta-feira.

"Eu absolutamente não vejo qualquer risco", disse Giovanni Bazoli.

O Monte Paschi teve que atrasar seus planos para um aumento de capital devido à oposição de seu principal acionista.

O presidente do Conselho de Administração do Monte Paschi, Alessandro Profumo, disse na quarta-feira que o fracasso em realizar o aumento de capital de 3 bilhões de euros (4 bilhões de dólares) pode acarretar em um problema para o sistema bancário como um todo.

(Por Gianluca Semeraro)