Usinas tailandesas aumentam produção de açúcar bruto

terça-feira, 21 de janeiro de 2014 11:42 BRST
 

CINGAPURA, 21 Jan (Reuters) - As usinas tailandesas estão produzindo mais açúcar bruto na atual temporada, em um esforço para fechar negócios antes que os preços globais, que já enfrentam mínimas de três anos, se enfraqueçam ainda mais por conta de uma inundação de fornecimentos indianos, disseram operadores nesta terça-feira.

A Índia normalmente produz açúcar branco, mas o segundo maior produtor mundial da commodity está buscando aumentar sua produção do açúcar bruto, que pode ser exportada com mais facilidade. A medida indiana visa ajudar usinas em dificuldades financeiras.

Com o mercado mundial de açúcar tendendo a entrar em um quarto ano de excedentes e os preços globais perto de 15 centavos de dólar por libra --nível mais baixo desde meados de 2010-- o momento é crucial para a Tailândia, que está lidando com uma safra recorde de mais de 11 milhões de toneladas, um consumo estável e elevados estoques nacionais.

"Com tanta disponibilidade, os vendedores mais determinados serão os que vão fazer negócios", disse o analista Josh Rossato, da consultoria de commodities Green Pool, em Brisbane. "Os vendedores têm de ser competitivos se quiserem mover os produtos".

A produção do açúcar bruto da Tailândia, segundo maior exportador mundial da commodity depois do Brasil, atingiu cerca de 2,6 milhões de toneladas até 15 de janeiro, disseram operadores, alta de 16,21 por cento ante um ano atrás.

A produção de açúcar branco, por sua vez, está estável em torno de 822 mil toneladas.

(Reportagem de Lewa Pardomuan)