Irã compra pelo menos 50 mil t de milho do Brasil--mercado

terça-feira, 21 de janeiro de 2014 14:11 BRST
 

LONDRES/HAMBURGO, 21 Jan (Reuters) - O Irã comprou pelo menos 50 mil toneladas de milho do Brasil em meio às grandes aquisições de alimentos e ração que vêm sendo feitas após o acordo no ano passado para relaxar sanções ocidentais, disseram operadores nesta terça-feira.

O milho é para embarque no porto de Paranaguá no final de janeiro e início de fevereiro, disseram operadores.

Um operador estimou que 100.000 toneladas tenham sido compradas.

"O Irã é considerado como tendo como grande necessidade de importar grãos e eu acho que nós vamos ver mais compras, uma vez que as sanções contra o Irã estão relaxando", disse um trader europeu.

O Irã nunca foi impedido de comprar alimentos sob as sanções ocidentais impostas por conta do programa nuclear do país, mas as sanções financeiras da União Europeia e dos Estados Unidos afetaram o comércio nos últimos dois anos pela dificuldade em realizar pagamentos e transportar.

"Não está claro se a compra do Brasil foi feita por participantes privados, mas compradores privados iranianos estão de volta ao mercado após ficarem ausentes por cerca de dois anos, com sanções que tornaram pagamentos de compras muito difíceis", disse outro trader.

O Irã tem cerca de 100 bilhões de dólares em ativos em moeda estrangeira em todo o mundo, dos quais será capaz de acessar 4,2 bilhões de dólares pelo acordo nuclear do ano passado, disse um funcionário sênior do governo dos EUA sênior na sexta-feira.

"O Irã terá claramente mais recursos fluindo de seus cofres e isso vai ajudar o processo de compras no futuro. Já estamos vendo mais sinais de comerciantes que procuram fazer negócios depois de um longo hiato", disse uma fonte de mercado de commodities.

(Reportagem de Jonathan Saul e Michael Hogan)