Grife Coach perde mercado para rivais na América do Norte

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014 12:31 BRST
 

22 Jan (Reuters) - A fabricante de roupas e acessórios Coach afirmou que suas vendas na América do Norte caíram ainda mais no último trimestre de 2013, perdendo espaço no negócio de bolsas para concorrentes como a Michael Kors e Kate Spade.

As ações da empresa chegaram a cair 8 por cento nas negociações pré-mercado, após registrar uma queda de 13,6 por cento nas vendas comparáveis na América do Norte, responsável por 70 por cento de sua receita.

A companhia permanece como a maior vendedora de bolsas de luxo nos Estados Unidos, mas vem perdendo mercado nos últimos dois anos.

Este foi terceiro trimestre consecutivo de queda nas vendas em lojas abertas há mais de um ano.

"Continuamos decepcionados com nosso desempenho na América do Norte, impactado por uma movimentação menor nas nossas lojas e pela decisão de limitarmos o acesso à nossa loja online", disse o presidente-executivo da empresa, Victor Luis, em comunicado nesta quarta-feira.

Entre 2011 e 2012, a parcela da Coach no mercado de bolsas dos EUA caiu de 19 por cento para 17,5 por cento, segundo a Euromonitor, e a rival Michael Kors cresceu a 7 por cento, de 4,5 por cento.

(Reportagem de Aditi Shrivastava e Phil Wahba)

 
Sacola de compras da marca Coach fotografada em Beverly Hills, Califórnia. A fabricante de roupas e acessórios Coach afirmou que suas vendas na América do Norte caíram ainda mais no último trimestre de 2013, perdendo espaço no negócio de bolsas para concorrentes como a Michael Kors e Kate Spade. 21/05/2013. REUTERS/Fred Prouser