UBS, Credit Suisse e RBS estão sob investigação da UE, diz fonte

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014 17:07 BRST
 

Por Foo Yun Chee

BRUXELAS, 22 Jan (Reuters) - Os bancos UBS, Credit Suisse e Royal Bank of Scotland estão sendo investigados por órgãos reguladores antitruste da União Europeia (UE), sob suspeita de manipular taxas de juros ligadas ao franco suíço, afirmou uma fonte familiar com o assunto nesta quarta-feira.

A Comissão Europeia tem se debruçado sobre o caso há um ano, como parte de sua investigação sobre fixação das taxas de juros de referência para empréstimos e operações financeiras.

A fonte disse que havia outros bancos envolvidos, mas não ficou claro imediatamente quais outras instituições financeiras estariam sendo investigadas.

O porta-voz para política de competição da Comissão Européia, Antoine Colombani, disse: "Nossa investigação está em curso. Não temos mais comentários."

O RBS, o UBS e o Credit Suisse se recusaram a comentar.

O órgão antitruste europeu impôs uma multa recorde de 1,7 bilhão de euros a cinco bancos --Deutsche Bank, RBS, JP Morgan, Citigroup e Société Générale-- e a corretora baseada na Grã-Bretanha RP Martin no mês passado por manipular outras taxas de referência.

(Reportagem adicional por Matt Scuffham em Londres e Clare Hutchinson em Zurique)