23 de Janeiro de 2014 / às 13:43 / em 4 anos

Virgin faz acordo de rede com Vivo, espera Anatel liberar licença

Um homem fala ao celular fora da sede da Vivo em São Paulo. A Virgin Mobile, que tem entre os principais acionistas o grupo britânico Virgin, anunciou nesta quinta-feira acordo de compartilhamento de redes de telecomunicações com a Vivo e pedido de licença para lançar operadora celular virtual no Brasil. 30/06/2010 REUTERS/Nacho Doce

SÃO PAULO, 23 Jan (Reuters) - A Virgin Mobile, que tem entre os principais acionistas o grupo britânico Virgin, anunciou nesta quinta-feira acordo de compartilhamento de redes de telecomunicações com a Vivo e pedido de licença para lançar operadora celular virtual no Brasil.

A companhia também fechou acordo de compartilhamento com a Telefónica, controladora da Vivo, no México, onde também prepara lançamento de sua operações após ingressar na América Latina em 2010, já tendo estabelecido operadoras no Chile e Colômbia.

No Brasil, onde o mercado celular é praticamente dividido entre as operadoras Vivo, Claro, TIM e Oi, a Virgin Mobile reforçará o grupo de operadoras móveis virtuais, que é formado por Porto Seguro, unidade do grupo segurador de mesmo nome, e Datora Telecom.

A Virgin não informou quando espera iniciar a operação comercial, comentando apenas que prevê que isso será feito “o quanto antes for possível”, após a liberação da licença pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Por Alberto Alerigi Jr., edição de Marcela Ayres

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below