American Airlines registra prejuízo de US$ 2 bi no no 4º trimestre

terça-feira, 28 de janeiro de 2014 13:08 BRST
 

ATLANTA, 28 Jan (Reuters) - A American Airlines, a maior companhia aérea do mundo após a fusão no ano passado com a US Airways, registrou prejuízo de 2 bilhões de dólares, ou 8,66 dólares por ação, no quarto trimestre, após encargos ligados à sua reorganização.

O mais recente período incluiu resultados da ex-controladora da American Airlines, a AMR Corp, para o trimestre inteiro e da US Airways a partir de 9 de dezembro, quando a fusão foi fechada, até 31 de dezembro, disse a companhia nesta terça-feira.

Quando os resultados trimestrais das antigas American e US Airways são combinados, o saldo é um lucro de 436 milhões de dólares, ou 0,59 dólar por ação, no último trimestre.

A receita combinada subiu 8,7 por cento para 10 bilhões de dólares, impulsionada por preços mais altos de passagens.

A fusão foi o meio pelo qual a American Airlines saiu de um procedimento de falência nos Estados Unidos.

(Por Karen Jacobs)

 
Pessoas caminham em frente ao logotipo da American Airlines no saguão do aeroporto internacional John F. Kennedy, em Nova York. A American Airlines, a maior companhia aérea do mundo após a fusão no ano passado com a US Airways, registrou prejuízo de 2 bilhões de dólares, ou 8,66 dólares por ação, no quarto trimestre, após encargos ligados à sua reorganização. 27/11/2013. REUTERS/Carlo Allegri