ALL eleva Ebitda em 2% no 4o trimestre, vê cenário favorável em 2014

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014 10:00 BRST
 

SÃO PAULO, 5 Fev (Reuters) - A companhia de logística ALL elevou em 2 por cento o lucro operacional do quarto trimestre, apesar de apurar queda no volume transportado e afirmou que espera um cenário favorável para as operações ferroviárias neste ano.

A empresa apurou lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de 349,6 milhões de reais, crescimento de 2 por cento sobre o mesmo período de 2012. O volume transportado recuou 3,8 por cento em TKUs.

"Apesar do crescimento de 17 por cento na safra agrícola brasileira, os portos em que atuamos tornaram-se um importante gargalo para o crescimento de volume da ALL, especialmente no segundo e terceiro trimestres", afirmou a ALL em prévia de resultado do período.

A companhia fez referência a problemas em terminais de descarga de grãos no porto de Santos, que foram parcialmente resolvidos no quarto trimestre e também o incêndio que destruiu o terminal da Copersucar no porto em outubro.

A empresa ainda enfrentou acidente ferroviário no fim de novembro que interrompeu corredor que liga o Mato Grosso ao porto e deixou oito mortos.

Segundo a ALL, o transporte no trecho foi posteriormente restabelecido em fase de testes e sob regime assistido, mas ainda impondo restrições à produtividade e capacidade em dezembro.

Para este ano, a empresa vê perspectivas boas com crescimento da safra e com o novo trecho ferroviário inaugurado em 2013 operando com capacidade total.

"O cenário para 2014 é favorável. A safra agrícola deve crescer 4 por cento em comparação à forte safra de 2013 e as condições do cenário operacional devem melhorar consideravelmente", afirmou a ALL. "Além disso, o novo trecho ferroviário Alto Araguaia - Rondonópolis irá operar com capacidade total durante o ano inteiro", acrescentou a companhia.

A ALL divulga resultados consolidados do quarto trimestre em 27 de fevereiro.

(Por Alberto Alerigi Jr., edição de Roberta Vilas Boas)