Expansão de serviços nos EUA acelera em janeiro, mostra PMI

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014 12:15 BRST
 

NOVA YORK, 5 Fev (Reuters) - O crescimento do setor de serviços dos Estados Unidos acelerou para a máxima de quatro meses em janeiro e as contratações permaneceram robustas, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) nesta quarta-feira.

O Markit informou que o PMI de serviços dos EUA subiu para 56,7 ante 55,7 em dezembro. Leitura acima de 50 sinaliza expansão da atividade.

Os empregadores do setor de serviços ampliaram o número de funcionários no início do ano, ainda que em ritmo um pouco mais lento do que em dezembro. O índice relativo ao emprego caiu para 54,1 ante 55,2.

Mas o ritmo de contratação "permanece resiliente conforme as empresas relataram o cenário de atividade mais brilhante em três anos", disse o economista-chefe do Markit, Chris Williamson.

A combinação das contratações no setor de serviços e na indústria sugere que o aumento do emprego nos EUA voltará para a casa dos 200 mil para o mês, depois de cair para apenas 74 mil em dezembro, completou Williamson.

O relatório de emprego fora do setor agrícola será divulgado na sexta-feira. Pesquisa da Reuters aponta expectativa de criação de 185 mil vagas.

O PMI Composto do mês passado, que reúne os índices de indústria e serviços, avançou para 56,2 ante 56,1 em dezembro.

(Reportagem de Steven C. Johnson)