BC britânico mantém política monetária conforme prepara nova orientação

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014 10:41 BRST
 

LONDRES, 6 Fev (Reuters) - O banco central britânico deixou sua política monetária inalterada nesta quinta-feira, conforme trabalha em novo plano para guiar as expectativas sobre as taxas de juros depois que o anterior foi engolido pela forte recuperação econômica britânica.

O BC manteve sua principal taxa de juros em 0,5 por cento, nível que permanece desde o pior da crise financeira no início de 2009.

A economia britânica apresentou no ano passado uma virada surpreendente e os mercados estão precificando ao menos alguma chance de aumento dos juros no final deste ano. O presidente do BC, Mark Carney, e outras autoridades tiveram que destacar que não têm pressa em elevar as taxas.

Um plano anunciado em agosto passado --de nem pensar em elevar os juros até que o desemprego caia para 7 por cento-- tornou-se quase que obsoleto devido à queda da taxa de desemprego para pouco acima desse nível.

A expectativa é que o BC britânico dê pelo menos algumas pistas de seu novo plano de orientação na próxima quarta-feira, quando publica suas estimativas econômicas trimestrais e dá entrevista à imprensa.

Entre as opções estão o ampliamento dos indicadores usados para possivelmente incluir o crescimento dos salários, ou copiar a matriz adotada pelo Federal Reserve, BC norte-americano, com a visão de cada autoridade sobre o futuro das taxas de juros.

A economia britânica parece ter começado 2014 com o mesmo ritmo forte do final de 2013.

Os setores industrial e de serviços mostraram forte crescimento em janeiro, de acordo com pesquisas esta semana. E na quinta-feira dados mostraram que as vendas de novos carros e os preços imobiliários subiram mais de 7 por cento em janeiro na comparação com o mesmo período do ano anterior.