Emprego nos EUA não se recupera com força após inverno forte

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014 11:42 BRST
 

WASHINGTON, 7 Fev (Reuters) - Empregadores norte-americanos contrataram muito menos trabalhadores do que o esperado em janeiro, e os ganhos de empregos para o mês anterior foram apenas ligeiramente revisados para cima, sugerindo perda de dinamismo na economia mesmo que a taxa de desemprego tenha atingido nova mínima em 5 anos de 6,6 por cento.

A geração de empregos fora do setor agrícola foi de apenas 113 mil, informou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira. Mas com fortes ganhos de emprego na construção, o tempo frio não deve ter sido um fator importante em janeiro.

A geração de empregos em dezembro foi revisada para cima em apenas 1 mil postos, para 75 mil.