Aneel propõe alta de 4,6% nas tarifas de energia para custear CDE

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014 10:21 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) propôs nesta terça-feira que os consumidores paguem, em 2014, um total de 5,6 bilhões de reais para cobrir o déficit estimado para a Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), com impacto de 4,6 por cento nas tarifas deste ano.

A proposta ficará em audiência pública entre 13 de fevereiro e 16 de março. Segundo técnicos da agência, os valores maiores serão repassados às tarifas dos consumidores nas respectivas datas de reajustes das distribuidoras que os atendem.

(Por Leonardo Goy)