Ações europeias fecham em alta por resultados corporativos e após Yellen

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014 16:28 BRST
 

Por Blaise Robinson

PARIS, 11 Fev (Reuters) - As ações europeias fecharam em alta nesta terça-feira, impulsionadas por resultados corporativos positivos e após a nova chair do Federal Reserve, Janet Yellen, enfatizar que haverá continuidade na estratégia do banco central norte-americana.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, avançou 1,25 por cento, a 1.317 pontos.

Em suas primeiras declarações como chair do Fed, Yellen afirmou que o banco central deve continuar reduzindo o estímulo mas reconheceu que a recuperação do mercado de trabalho está "longe de ser completa". Ela também deixou claro que não haverá mudanças abruptas na política monetária.

"Yellen está em linha com a postura do (chair anterior do Fed, Ben) Bernanke. Traz visibilidade à ação do Fed, sabemos aonde eles estão indo. É muito reconfortante para investidores", disse o chefe de negociações e vendas do Global Equities, David Thebault.

"As luzes estão 'verdes' novamente e investidores estão voltando para as ações", acrescentou.

O Fed promoveu dois cortes no programa de compra de ativos desde dezembro, encorajado pelo fôlego na economia no fim de 2013. Mas após dados mistos incluindo o relatório de emprego mais fraco do que o esperado e turbulências nos mercados emergentes, os investidores buscavam esclarecimentos do Fed.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 1,23 por cento, a 6.672 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 2,03 por cento, para 9.478 pontos.   Continuação...