Via Varejo deve acelerar abertura de lojas em 2014

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014 19:48 BRST
 

Por Marcela Ayres

SÃO PAULO, 13 Fev (Reuters) - A Via Varejo, divisão de móveis e eletrodomésticos do Grupo Pão de Açúcar, prevê acelerar o ritmo de abertura de lojas em 2014, movimento que deve ajudar a elevar suas vendas a despeito do cenário menos animador para o setor.

Mais cedo, o IBGE divulgou que as vendas do varejo brasileiro avançaram 4,3 por cento em 2013, na pior expansão em 10 anos.

Mesmo com o lançamento do programa do governo de subsídio à compra de móveis e eletrodomésticos Minha Casa Melhor, em junho, o segmento de móveis e eletrodomésticos viu a expansão das vendas desacelerar para 5 por cento em 2013, ante 12,3 por cento no ano anterior.

Avaliando que a Via Varejo "vive certa dissonância" do mercado após um aumento de 11,8 por cento na receita líquida no ano, a 21,8 bilhões de reais, o diretor-presidente da empresa, Francisco Valim, disse acreditar na expansão das atividades mesmo com "mais incertezas" em 2014.

"O consumo brasileiro é bastante resiliente", disse a jornalistas nesta quinta-feira, mencionando a baixa penetração de eletrodomésticos no país e o aumento da escala proporcionado pela maior base de compradores, o que possibilita a oferta de preços historicamente baixos para os eletrônicos.

Segundo o executivo, o crescimento da Via Varejo será guiado pelo avanço das vendas nas mesmas lojas, com a ajuda adicional das cerca de 70 unidades que a companhia prevê inagurar no ano, com foco nas regiões Nordeste e Centro-Oeste.

O número representa um avanço de 70 por cento ante as 41 lojas abertas em 2013, e se insere no plano da companhia de inaugurar 210 novas unidades até 2016.

Em teleconferência com analistas mais cedo, ele havia dito que o Minha Casa Melhor não teve impacto significativo para a companhia, e que preços de imóveis estáveis neste ano abririam uma oportunidade adicional para o plano de expansão de lojas.   Continuação...